Cachoeiro libera lojas abertas, mas obriga uso de máscaras nas ruas

A maior cidade do Sul do Espírito Santo, Cachoeiro de Itapemirim, tem oito casos confirmados do novo coronavírus e foi classificada pelo governo estadual como de baixo risco para transmissão da Covid-19. Agora, novas regras foram estabelecidas no município e, a partir desta quarta-feira (22), o comércio está autorizado a funcionar. Mas o uso de máscara se tornou obrigatório para todos que vão às ruas.

As decisões foram anunciadas pela prefeitura, nesta terça-feira (21), e serão publicadas no diário oficial desta quarta-feira (22), quando os estabelecimentos comerciais poderão voltar a atender o público, respeitando medidas de prevenção, como higienização e uso de máscaras, e os horários estabelecidos.

De acordo com o novo decreto, o comércio terá que ampliar a jornada de trabalho a distância; definir novos horários de trabalho ou diferentes turnos, para reduzir a presença nos ambientes da empresa e o congestionamento no transporte público; afastar trabalhadores que apresentarem sintomas gripais e os do grupo de risco; além de ampliar as rotinas de limpeza e higienização das instalações.

Todos os estabelecimentos deverão cumprir o distanciamento entre as pessoas, tanto no atendimento, como nas filas. A recomendação geral é de um cliente por 10 metros quadrados e, no caso de galerias e centro comerciais, o espaço passa a ser de 14 metros quadrados para uma pessoa. As atividades consideradas essenciais e prestadores de serviços não terão limitação de horário para funcionar, bem como a modalidade de delivery. “Fizemos o nosso dever de casa, restringindo as atividades econômicas. Foi uma medida dura – sei do sacrifício do segmento empresarial, das implicações do isolamento social para a população –, mas foi uma medida necessária nesse cenário crítico. Sem ela e sem outras iniciativas que tomamos no combate à Covid-19, não teríamos em Cachoeiro o baixo índice de casos que temos”, disse o prefeito Victor Coelho.

USO DE MÁSCARA É OBRIGATÓRIO NA CIDADE

Outra medida anunciada pela prefeitura é o uso obrigatório de máscara de tecido para todos que circulam por áreas públicas, estabelecimentos e utilizam transporte de passageiros no município. “Estudos têm apontado que o uso de máscaras caseiras vem ajudando na diminuição de casos, por ser uma barreira física que impede quase que totalmente a disseminação de gotículas expelidas do nariz ou da boca do usuário no ambiente”, explica o prefeito Victor Coelho. Ainda segundo o prefeito, equipes da prefeitura estarão nas ruas orientando as pessoas quanto à importância do uso das máscaras “O lema que todos precisamos abraçar nesse momento é: ‘Eu protejo você e você me protege’”, complementa.

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO DO COMÉRCIO

Atividades de comercialização de móveis, eletrodomésticos, eletroeletrônicos, informática, materiais para construção, vidraçaria, material elétrico, tintas e lojas de departamentos: de segunda-feira a sábado - das 08h às 16h.

Lojas de confecções, calçados, tecidos, acessórios, aviamentos, perfumarias, joalherias, papelarias e demais atividades de comércio: de segunda-feira a sábado - das 10h às 18h.

Lojas dos shopping centers: de segunda-feira a domingo - das 12h às 20h.

Restaurantes, praças de alimentação, lanchonetes, pizzarias e sorveterias: de segunda-feira a domingo - das 10h às 16h e das 19h às 23h.

ACADEMIAS, CINEMAS E CRECHES CONTINUAM FECHADAS

Continua suspenso, até 30 de abril, o funcionamento de academias, estúdios de atividades físicas, cinemas, teatros, casas de shows e eventos e hotelzinho e creche particular, em Cachoeiro.

Fonte: Gazeta ES